Novidades em carros

Novo Toyota Corolla estreia primeiro conjunto híbrido flex do mundo

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Nesta última terça-feira, a Toyota revelou a 12ª geração do Corolla, o sedã mais vendido no mundo. O sedã que é o carro chefe da Toyota por aqui, é líder de vendas no segmento de sedãs médios há 5 anos. O sedã é fabricado em Indaiatuba – interior de São Paulo – desde 1998 e já alcançou a marca de 1 milhão de unidades produzidas por aqui. A 12ª geração do sedã, chega as concessionárias no dia 12 de setembro.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Assim como o Prius, a nova geração do Corolla é construída sob a plataforma TNGA – Toyota New Global Architecture – que também está presente no SUV RAV4 e outros futuros modelos. Com isso, a Toyota conseguiu aliar segurança, tecnologia e espaço interno na mesma plataforma. As dimensões gerais do sedã mudaram pouca coisa da 11ª para a 12ª geração.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Agora o Corolla dispõe de 4,63 metros de comprimento – 1 cm a mais do que a geração anterior – 1,78 m de largura – um ganho de 0,5 cm – e manteve a altura de 1,45 metro. O entre eixos, se manteve na casa dos 2,70 metros, garantindo assim o bom espaço interno. Além da nova plataforma e design, o Toyota Corolla estreia o primeiro sistema híbrido flex do mundo.

Design

Por falar em design, o visual escolhido para o nosso mercado é idêntico ao que já está em vigor na Europa e China, por ser um visual mais conservador, com toques de esportividade. Já a versão vendida no mercado norte americano utiliza um visual mais despojado, pois por lá carros como o Honda Civic e o Toyota Corolla são ditos como populares e são famosos entre os jovens.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Mas voltando a falar sobre o visual, o novo Corolla ganhou novos faróis que agora podem vir com luzes de LED, e contam com um desenho mais trapezoidal e bastante agressivo. Ainda na dianteira, a grade agora é fina e conta com uma linha cromada que une os faróis. Já a parte onde fica a placa ganha um desenho em forma de trapézio e tem conexão a outros modelos como o sedã grande o Camry.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Na traseira, o sedã ganha lanternas com visual mais agressivo, e contam também com um friso cromado que as une. A tampa do porta-malas e os para-choques – tanto dianteiro, quanto traseiro – ganham vincos mais pronunciados, o que faz com que o sedã ganhe musculatura e formas mais aerodinâmicas. Nas versões mais caras, as lanternas recebem luzes de LED, enquanto na versão de entrada e intermediária, as luzes são halógenas.

Interior

Uma das maiores evoluções desta nova geração do Toyota Corolla está no interior. Agora o sedã conta com um visual mais despojado e muito moderno, ganhando também mais refinamento e requinte nas versões mais caras. O desenho do painel é novo, e conta com materiais emborrachados – nas versões mais caras – além de contar com a nova central multimídia de 8 polegadas que agora tem suporte para Android Auto e Apple CarPlay, em todas as versões.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Além disso, o sedã ganhou um novo volante de 3 raios, com visual mais moderno, que ganha também os controles de áudio e computador de bordo tem acabamento em couro e possui aletas para troca de marcha (paddle shift) nas versões XEi e Altis. O painel de instrumentos também tem um novo layout com destaque para a tela de TFT de 7 polegadas da versão topo de linha. Nas demais versões, a tela de TFT é de 4,2 polegadas.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Os bancos ganham novo formato e podem vir revestidos de tecido misturados com couro – na versão de entrada GLi, ou de couro preto na versão Altis, e couro bege e marrom nas versões Altis – tanto com motor flex quanto o conjunto híbrido.

Motores

Uma das maiores novidades dessa nova geração fica por conta do inédito sistema híbrido no sedã médio, aliado ao motor flex – tornando assim o Toyota Corolla o primeiro sedã híbrido flex do mundo. Além do novo conjunto híbrido, a Toyota também atualizou as versões com motor 2.0, que aliás ganha um novo sobrenome – Dynamic Force – que conta com quatro cilindros em linha e 16 válvulas, e o famoso sistema de válvulas variável inteligente – VVT-iE que, por meio de um motor elétrico, modifica os tempos de abertura das válvulas de admissão.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Ele ainda vem com um novo sistema de injeção direta e indireta de combustível D-4S que adapta a injeção às condições de direção, oferecendo mais potência e menor consumo de combustível. Com essas modificações, o motor 2.0 agora rende 177 cv com etanol e 169 cv quando abastecido com gasolina. O torque é de 21,4 kgfm – tanto para gasolina, quanto para o etanol. Aliado a este novo motor, a Toyota disponibiliza uma nova caixa de câmbio do tipo CVT que simula 10 marchas.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Já no caso do inédito sistema híbrido flex, o Corolla usa o mesmo motor do sedã Prius, o 1.8 VVT-i 16V de ciclo Atkinson – só que com sistema flex – que agora entrega 101 cv com etanol e 98 cv quando abastecido com gasolina, aliado ao conjunto de motores elétricos que juntos entregam 72 cv e 16,6 kgfm de torque. A recarga é feita pelos próprios motores elétricos, que podem funcionar como freios regenerativos ao mesmo tempo que alimentam a bateria. O câmbio é do tipo CVT, mas em uma arquitetura com planetária e engrenagem.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Segundo testes feitos pelo INMETRO, o Corolla híbrido é capaz de rodar 14,5 km/l na estrada e 16,3 km/l na cidade quando abastecido com gasolina. Com etanol, o modelo roda 9,9 km/l na estrada e 10,9 km/l na cidade. Além disso, quando ele utiliza o etanol e o sistema elétrico, o Corolla Híbrido, passa a ser o sedã híbrido mais limpo do mundo. A Toyota prevê que o sedã continue sua meta de vendas com 4.500 unidades por mês – sendo 3.000 das versões flex e 1.000 unidades da versão híbrida.

Segurança

Assim como é de praxe, a nova geração do Toyota Corolla vai continuar apostando alto em itens de tecnologia e segurança. Agora, desde a versão de entrada a GLi, o sedã conta com 7 Airbag (2 frontais, 2 laterais, 2 de cortina e 1 de joelho para o motorista), câmera de ré com linhas de distância com projeção na central multimídia, faróis com acendimento automático e com ajuste de altura, controle eletrônico de estabilidade (VSC), controle eletrônico de tração (TRC), sistema de assistência ao arranque em subida (HAC), sistema ISOFIX para fixação de cadeirinhas infantis no banco traseiro e mais.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Além disso, a Toyota disponibiliza nas versões mais caras o sistema Toyota Safety Sense – TSS – que conta com um radar de ondas milimétricas combinado com uma câmera monocular para detectar uma variedade de perigos e alertar o motorista. As versões mais caras também recebem um novo sistema de pré colisão frontal – PCS – que usa a câmera e o radar de ondas milimétricas para detectar veículos que circulam nas ruas e estradas.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

Se o sistema detectar a possibilidade de uma colisão, ele alerta o motorista por meio de avisos sonoros e visuais e ativa a assistência de frenagem para evitar ou reduzir os danos causados por elas. Outros sistemas como o sistema de alerta de mudança de faixa, faróis com ascendimento automático, controle de cruzeiro e entre outros sistemas estarão presentes nas versões mais caras do sedã.

Versões e preços

A nova geração do sedã vai contar com 5 versões – sendo 3 com motor 2.0 flex e 2 com o sistema híbrido. Além disso, as versões com motor 2.0 e a híbrida, terão 5 anos de garantia, as demais versões contam com 3 anos de garantia.

Toyota Corolla 2020 (divulgação)

O novo Corolla também vai disponibilizar 7 novas cores no catálogo: Branco Polar (sólido), Branco Perolizado, além das cores metálicas: Preto Eclipse, Prata Supernova, Vermelho Granada, Marrom Urban e a nova e exclusiva cor Cinza Celestial.

Veja a seguir, o conteúdo e preços das versões:

Toyota Corolla GLi 2.0 – R$ 99.990
Rodas de liga aro 16 polegadas, ar-condicionado analógico, direção elétrica, computador de bordo com tela de 4,2 polegadas, 7 airbags (frontais, laterais, cortina e joelho do motorista), controle de estabilidade, Isofix, multimídia de 8 polegadas com Apple CarPlay e Android Auto, câmera de ré.

Toyota Corolla XEi 2.0 – R$ 110.990
Adiciona ao pacote da versão GLi, rodas de liga aro 17 polegadas, ar-condicionado digital automático, piloto automático, modo Sport de condução, chave presencial, botão de partida, retrovisor eletrocrômico, faróis de neblina em LED e borboletas no volante para trocas de marcha manuais.

Toyota Corolla Altis 2.0 – R$ 124.990
Adiciona ao pacote da versão XEi, faróis e lanternas em LED, ar digital de duas zonas, banco do motorista com ajuste elétrico, retrovisores externos rebatíveis eletricamente, teto-solar elétrico, sensor de chuva e Toyota Safety Sense (piloto automático adaptativo, alerta de saída de faixa, farol alto automático e frenagem automática de emergência).

Toyota Corolla Altis 1.8 Hybrid Flex – R$ 124.990
Adiciona ao pacote da versão Altis, mais faróis de LED e Toyota Safety Sense.

Toyota Corolla Altis Premium 1.8 Hybrid Flex – R$ 130.990
Adiciona ao pacote da versão Altis, mais lanternas em LED, ar digital de duas zonas, banco do motorista com ajuste elétrico, retrovisores externos rebatíveis eletricamente, teto-solar elétrico e sensor de chuva.

Siga a Jocar

Acompanhe nossas redes sociais!

Video

Fusíveis automotivos - para que servem e como trocar